O cão sozinho em casa

Medo de ficar sozinho em casa
Este sentimento é normal em cães que estão habituados a ter sempre a companhia de um humano ou de outro cão. Isto pode levá-los a ladrar ou uivar quando ficam sozinhos ou a fazer as suas necessidades onde não devem.

Como lidar com o medo?
A melhor forma de ultrapassar isto é fazer com que o cão se habitue gradualmente a ficar sozinho. O seu tempo a sós deve ser algo positivo, por isso é importante deixar-lhe snacks para roer, brinquedos e outras formas de entretenimento para que se mantenha ocupado.

Comece por sair de casa por curtos períodos de tempo e aumente gradualmente a duração das ausências. À medida que vai aumentando o tempo que fica sozinho, continue a sair às vezes por pouco tempo, para que aprenda que nem sempre a sua ausência é sinónimo de longas esperas a sós.

Quando o deixar sozinho não dê importância à despedida. Limite-se a sair de casa como se fosse perfeitamente normal. Ao regressar o melhor é ignorá-lo durante uns minutos para que ele não se sinta recompensando pelo seu comportamento excessivamente efusivo.

Outra coisa que pode ajudar é deixar um rádio aceso enquanto estiver ausente, para que haja som ambiente que o distraia e para que não sinta a casa tão vazia. Isto ajuda também a disfarçar os sons exteriores que possam levar o seu cão a reagir.

Dica: se o cão tiver feito as suas necessidades fora de sítio ou se sujar algo, limite-se a limpar sem dizer nada, e não o castigue. Desta forma, vai habituar-se rapidamente a ficar sozinho sem grande sofrimento.